noticias Publicado em 3 de julho de 2017

Exposição aborda as trajetórias do Grupo Transas do Corpo e Ser-tão

Nesta terça-feira, dia 04 de julho de 2017, será aberta a exposição Três décadas, dois grupos, um tema: Gênero e Sexualidade – Transas no Sertão, que apresenta a trajetória do debate de gênero e sexualidade nos últimos 30 anos a partir das trajetórias do Grupo Transas do Corpo, criado em 1987, e do Ser-Tão, fundado em 2006. A exposição, estará aberta para visitações até o dia 14 de julho, no Museu Antropológico da UFG, e faz parte das comemorações dos 30 anos do Transas e 10 anos do Ser-tão.

Diferentes em suas abordagens, metodologias e objetivos, estes grupos estimularam debates, produção de conhecimento, formações, questionamentos e políticas públicas para mulheres, lésbicas, travestis, transexuais, homossexuais e bissexuais no estado de Goiás. Esta exposição é uma homenagem da turma da disciplina de Comunicação Patrimonial IV – Concepção e Montagem de Exposição do Curso de Museologia da UFG aos dois grupos que impulsionaram ações de preservação da vida pautada no reconhecimento da diversidade de gênero e sexualidades.

O Grupo Transas do Corpo – Ações Educativas em Gênero, Saúde e Sexualidade, desenvolve diversas atividades de formação e pesquisa. A histórica Formação Feminista e outras modalidades de ação envolvendo profissionais da saúde e educação, jovens e adolescentes, bem como assessoria a organizações governamentais e não governamentais, somado ao atendimento direto ao público em sua sede, constituem suas principais ações. O Ser –tão, por sua vez, é um núcleo de estudo e pesquisas em Gênero e Sexualidade criado em 2006. Objetiva produzir e divulgar conhecimentos compromissados com a equidade de gênero e a garantia dos direitos sexuais. Ao longo de seus dez anos tem produzido estudos de pesquisa e extensão, tal qual o projeto “Educação e Cidadania: construindo a igualdade de gênero e a diversidade sexual”. Desde sua fundação, o grupo organiza seminários para estimular o debate sobre direitos sexuais, palestras e discussões abertas ao público em torno das temáticas do gênero e sexualidade.

Contra o machismo, o sexismo, a homolesbotransfobia e a favor da igualdade entre os gêneros, os grupos Transas do Corpo e Ser-tão promovem estudos e ações sobre gênero e sexualidade. Venha explorar essa jornada que muito já foi percorrida e muito ainda percorrerá e transformará a nossa sociedade!

Abertura: 4 de julho de 2017 | 19hs

Período de Visitação: De 4 a 14 de julho de 2017
Horários de visitação: Terça-feira – 10:00h às 21:00h | Quarta-feira a Sexta-Feira – 10:00h às 17:00h

Endereço: Museu Antropológico da UFG – Sala de Exposição Temporária – Praça Universitária,

Goiânia – Goiás Av. Universitária n°166 – Setor Universitário
Contato\Agendamento de Visita – E-mail: transasnosertao@gmail.com / Facebook:
www.facebook.com/transasnosertao